como escrever um texto

Como criar um texto de release imbatível em 9 dicas

Para ser um assessor de imprensa eficiente e que entrega os melhores resultados para os  clientes, saber como criar um texto de release imbatível é fundamental. Essa ferramenta de comunicação, se usada de forma estratégica, consegue ser uma tática poderosa para ampliar a visibilidade de uma empresa.

Saiba como criar um texto de release poderoso em 9 dicas

Quando falamos em como criar um texto de release, você pode até pensar: não há segredo. Se esse é seu pensamento, vamos te mostrar que não é bem assim. Existem princípios que podem potencializar a elaboração de textos na assessoria de imprensa.

Se seguidos pelo assessor de imprensa, esses princípios são capazes de melhorar a estrutura, o conteúdo e o poder de atração do release. Isso é essencial (e aspecto diferenciador) em uma era de excesso de informação sem qualidade e de redações jornalísticas enxutas.

1. Escolha assuntos relevantes

O primeiro passo para entender como criar um texto poderoso para a assessoria de imprensa é mais simples do que você imagina: relevância jornalística. Essas duas palavras devem ser norteadoras da sua rotina profissional.

Por que isso? Por um simples motivo. Você precisa entender que nem todos os assuntos relacionados ao seu cliente vão ser relevantes para a imprensa.

E insistir que tudo é importante é persistir em um erro que pode comprometer sua imagem profissional e desestabilizar o relacionamento com jornalistas.

Então, para evitar desgastes e potencializar a entrega de resultados, sempre preze pela relevância e elabore releases que serão atrativos e úteis para a imprensa e para o público de interesse.

Não esqueça que esse tipo de texto deve ter tom jornalístico. Se você quiser apenas “vender o peixe” de seu cliente, é difícil ter sucesso.

2. Sempre seja verdadeiro

Desde criança, ouvimos que “mentira tem perna curta”. E isso não seria diferente na assessoria de imprensa. Tenha em mente que omissão e edição de informações são capazes de abalar e comprometer a reputação de uma marca.

Isso vai contra o seu papel como assessor de imprensa, não é? Por isso, quando for elaborar um release sobre seu cliente, sempre preze pela divulgação de informações verdadeiras.

Não modifique dados somente para engrandecer o material. Mais vale um bom release com informações simples e verdadeiras do que um texto que pareça bom, mas que esteja recheado de conteúdos nada verídicos.

3. Escreva um título atrativo

Nossa terceira dica para te ajudar a entender como criar um texto de release poderoso é relacionada ao título. Essa parte da estrutura de qualquer texto é essencial para a conquista de bons resultados.

Pense em um livro. Quantas vezes você foi influenciado pela capa? Quantas publicações você deixou de ler pelo fato de a capa não ser atrativa?

O título de um release pode ser comparado à capa de um livro. Ele é fator decisivo para o jornalista e para o leitor. É ele que vai captar a atenção do público (ou perder a atenção em alguns casos).

Dessa forma, escreva títulos atrativos. Pense: “eu leria esse texto? Esse título me diz algo?”. Faça isso para perceber se os leitores ficarão com curiosidade pelo tema e se darão chance para o conteúdo do material.

4. Valorize o lide jornalístico

Já falamos diversas vezes aqui no blog que é preciso lembrar que o release é disparado para jornalistas. E por esse motivo, o assessor de imprensa deve elaborá-lo respeitando critérios jornalísticos (para chamar a atenção dos profissionais de comunicação e facilitar a publicação dos textos).

Um desses critérios faz parte da estrutura de uma notícia: o lide. Provavelmente você sabe do que estamos falando. No entanto, caso você não saiba, vamos explicar.

O lide jornalístico faz parte da estrutura da pirâmide invertida, em que as principais informações estão no topo do texto – e, ao longo do conteúdo, as informações são complementadas.

O primeiro parágrafo de uma notícia é o mais importante. É o chamado lide. Nele, 5 perguntas-chave para o jornalismo são respondidas: quem, o quê, quando, onde e por quê. Esses questionamentos são os norteadores de qualquer conteúdo noticioso.

Dessa forma, é fundamental que qualquer assessor de imprensa, ao pensar em como criar um texto imbatível, lembre dessas perguntas e as responda. Não deixe isso de lado.

5. Conheça o público de interesse

Nossa quinta premissa é essencial para a produção de qualquer tipo de texto, independente se é um release, uma notícia, um conto ou uma crônica: conheça seu público.

Isso vai facilitar a elaboração do texto, já que o você vai ter noção da linguagem que pode utilizar, da abordagem que pode dar para o release e dos assuntos que podem interessar os leitores e os jornalistas.

Se conhecer o público ainda não faz parte da sua rotina de elaboração de releases, talvez seja a hora de mudar a estratégia. Você vai ver que seus textos vão ficar mais atrativos e vão emplacar com maior frequência.

6. Não complique a linguagem

Muitos assessores atendem clientes com empresas de nicho de mercado específicos. Isso pode ser um gargalo na elaboração de releases se você não lembrar de simplificar a linguagem.

Primeiro, lembre que você está elaborando um texto para jornalistas. Um dos princípios da notícia é o uso de linguagem simplificada e objetiva. Depois, entenda que nem todos os leitores podem ter noção do que significa determinado termo da economia ou da tecnologia.

Fatores que dificultam a leitura (como termos técnicos) são gargalos para a elaboração e para o disparo de releases. Então, evite-os. Simplificar a escrita garante leitores e jornalistas felizes, bem como melhora a entrega de resultados para o cliente.

7. Dê uma conclusão para o texto

Quando você elabora um texto, é comum pensar em uma estrutura linear. Alguns conteúdos permitem extrapolar essa linearidade. Outros não permitem.

Um release, como precisa ser um texto com tom jornalístico, nem sempre permite extrapolar a estrutura linear. Então, escreva com consciência de que é importante dar uma conclusão para o release.

Utilize o fim da estrutura textual para colocar informações complementares sobre a empresa ou sobre o evento abordado ao longo do release. Essas menções são importantes para possibilitar o contato do público ou de algum profissional da imprensa com o negócio de seu cliente.

8. Revise

Depois de concluir a elaboração de um release, você relê e revisa seu texto? Se sua resposta foi negativa, é hora de ligar o alerta vermelho.

A revisão do release é parte importante em saber como criar um texto incrível e imbatível na assessoria de imprensa (e em qualquer área profissional que envolva escrita e leitura).

O ato de revisar permite que o assessor consiga encontrar erros que podem ter passado despercebido, analisar se as ideias fazem sentido, perceber se existem palavras que podem ser modificadas, entre outras coisas.

Tudo isso possibilita o disparo de um release poderoso e atrativo para os jornalistas. Revisar o texto só vai agregar benefícios a sua rotina.

9. Revise de novo

Se você seguiu nossos 8 princípios da elaboração de um release, pontos para a sua rotina. No entanto, não considere o processo de escrita como terminado e dispare o conteúdo para os jornalistas.

Separe mais um tempo e revise seu texto novamente. Se for possível (por causa da rotina atarefada e com falta de tempo livre disponível), peça para outra pessoa ler seu release.

O olhar de quem não está envolvido na elaboração do conteúdo é fundamental para potencializar as estratégias.

Afinal, você provavelmente vai estar com a leitura viciada. Então, a percepção de outra pessoa só vai trazer vantagens para seu texto. Se tiver como fazer isso, aproveite a estratégia.

E se quiser um material sobre release para guardar no Google drive do seu celular (para conferir sempre que necessário), faça o download do nosso infográfico 4 dicas para potencializar a elaboração de releases na era digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *