ciclo pdca

Ciclo PDCA: como incluir a ferramenta na assessoria digital

O ciclo PDCA é uma ferramenta utilizada para organizar processos, melhorar os resultados e diminuir ruídos no dia a dia das empresas. E, por incrível que pareça, a metodologia pode ser utilizada dentro da rotina da assessoria de imprensa, sabia?

Aliás, você vai ver que assessoria de imprensa e ciclo PDCA têm tudo a ver, pois a ferramenta de organização de processos se baseia em 4 pilares muito conhecidos por você: planejar, executar, mensurar e agir.

4 pilares do ciclo PDCA que vão mudar a sua rotina profissional

O método PDCA surgiu com o objetivo de solucionar problemas de forma contínua. A ferramenta conta com passos simples e práticos para a rotina das empresas.

O importante é compreender que essa ferramenta completa nos dá um olhar minucioso sobre os problemas que existem em nossos processos profissionais. Esses problemas podem ser ruídos na comunicação, falta de resultados, crises de imagem, entre outras coisas.

A partir dos 4 passos do ciclo PDCA, você consegue melhorar sua rotina, identificar problemas com antecedência e solucioná-los de forma ágil e consciente.

Além disso, também entenda que o método PDCA nunca vai trazer o mesmo resultado. Afinal, é um ciclo de melhoria contínua. E o objetivo é aperfeiçoar cada vez mais os nossos processos profissionais.

Agora que você sabe disso, vamos aos 4 pilares do ciclo PDCA, que podem ser divididos em planejar (plan), executar (do), mensurar (check) e agir (act).

 

  1. Planejar

A primeira etapa do ciclo PDCA tem a ver com a identificação dos problemas na rotina profissional e com a construção de um plano de ação para resolver esses ruídos.

Basicamente, nesta etapa, os profissionais identificam os problemas e planejam em que lugar querem chegar. Ou seja, a palavra-chave neste momento é “objetivo”.

Para um bom método PDCA, temos de saber o que queremos resolver e o que desejamos conquistar no final do ciclo.

Então, tenha um olhar macro sobre o negócio de seu cliente, com o objetivo de solucionar quaisquer ruídos que existam dentro da estratégia de comunicação ou, até mesmo, no dia a dia da empresa assessorada.

 

  1. Executar

O segundo pilar do Ciclo PDCA tem a ver com a execução das ações para solucionar os problemas.

Ou seja, aqui é a hora de “colocar a mão na massa” e ser um profissional estratégico.

Por exemplo, se você tem um problema de comunicação interna, aqui é a hora de executar o plano de ação e implantar melhorias para solucionar os ruídos, tornando o ambiente mais harmonioso.

O importante aqui é que você mapeie e anote todos os processos que estão sendo implantados.

Esse mapeamento vai te ajudar na hora de mensurar os resultados das atividades. Além disso, vai te dar um olhar estratégico sobre o cenário da marca assessorada.

 

  1. Mensurar

Este é o momento de ser um profissional analítico. A gente sempre fala de mensuração de resultados aqui no blog, certo? E isso é importante para qualquer ferramenta que você utiliza no dia a dia.

A etapa de mensuração do ciclo PDCA tem a ver com a análise cuidadosa das ações implantadas para solucionar problemas e para otimizar processos.

Utilizando o exemplo da comunicação interna, aqui é o momento de utilizar métricas para entender se as ações planejadas por você realmente trouxeram os resultados esperados.

Além de verificar os resultados obtidos com o planejamento, esta etapa nos permite identificar falhas no processo de solução dos problemas. E isso nos dá uma base para evitar esses ruídos novamente.

 

  1. Agir

A quarta etapa do método PDCA é um momento de aprendizado, de reflexão e de um olhar a longo prazo.

Em outras palavras, é aqui que você tem um olhar atento a todas as outras etapas do método.

Além disso, é um momento de analisar o que foi solucionado e de identificar problemas que ainda existem em sua rotina profissional.

Esses problemas remanescentes podem ser os aspectos-chave de um novo ciclo PDCA, por exemplo. Afinal, a ferramenta tem o objetivo de melhorar continuamente os processos dentro de uma empresa.

 

Como inserir o ciclo PDCA na rotina da assessoria digital

Agora que você entende o método PDCA, talvez esteja pensando “como posso incluir a ferramenta na rotina da assessoria de imprensa?”. Calma, vamos te explicar.

Em resumo, o ciclo PDCA tem como base planejar,executar, mensurar e agir. Essas 4 etapas são conhecidas por você em diversos momentos, quer ver só?

Para construir um planejamento de comunicação para seu cliente, o que você faz?

As respostas podem ser variadas. No entanto, têm como base 5 momentos:

  1. Identificação de objetivos.
  2. Planejamento de estratégias.
  3. Execução das ações.
  4. Mensuração.
  5. Reflexão sobre os resultados obtidos.

Ou seja, você planeja, executa, mensura e age.

No entanto, o método PDCA tem a ver com solução de problemas, certo?

Então, você pode incluir a ferramenta em situações de crise, em solução de fraquezas do cliente, na identificação de falhas na estratégia de releases, nos ruídos de comunicação com os públicos de interesse, entre outras coisas.

As possibilidades são variadas.

  • Melhore a assessoria digital de forma contínua

O importante é que você tenha em mente que o ciclo PDCA serve para melhorarmos continuamente nossos processos.

Ou seja, é uma forma de percebermos que sempre podemos melhorar nossa atuação profissional.

Sempre é possível solucionar uma falha no planejamento de comunicação, por exemplo. E isso nos dá um olhar muito mais crítico às nossas ações como profissionais de comunicação.

Então, a partir de agora, comece a olhar para as suas ações de comunicação com o objetivo de identificar problemas e de encontrar soluções cada vez melhores. Seus resultados profissionais vão ser impulsionados dessa forma.

Por fim, o método PDCA tem muito a ver com o processo que executamos quando fazemos análise SWOT.

Na matriz SWOT, identificamos fatores internos e externos que podem ser uma pedra em nosso calçado. Por isso, por que você não faz o download do nosso e-book sobre esse assunto? É só clicar no banner aqui embaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *